Introdução ao Gerenciamento de Projetos | Fundamentos

Gerenciamento de Projetos

As empresas e organizações querem garantias de que seus projetos obterão êxito e que sejam realizados dentro dos parâmetros de custo, tempo e qualidade desejados e planejados, resultando em satisfação do cliente.

O PMI®, por sua vez, acredita que um gerenciamento de projetos eficaz é indispensável para converter estratégias de negócios em resultados positivos de negócios. Por causa da crescente competição no mercado global, os gerentes estão sob grande pressão para entregar projetos dentro dos parâmetros de desempenho, cronograma e orçamento. Para ter sucesso, é preciso estabelecer prazos, definir tarefas, identificar itens de caminho crítico, especificar e adquirir materiais, acompanhar custos e o valor agregado. O planejamento das comunicações é essencial e necessário para que a gerência superior possa ser informada sobre o andamento do trabalho, possibilitando que determinadas medidas sejam tomadas quando as coisas começarem a sair do eixo.

Afinal, o que é um projeto?

PROJETO:

Segundo a ISO NBR 10.006, projeto é um “processo único, consistindo de um grupo de atividades coordenadas e controladas com datas para início e término, empreendido para alcance de um objetivo conforme requisitos específicos, incluindo limitações de tempo, custo e recursos”.

Definição do Guia PMBOK® 5ª edição: “Um projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo.” Isto é, um projeto tem início e fim definidos, possui objetivo de criar um resultado único por meio do planejamento, execução e controle das atividades e gerenciamento de recursos. O projeto acaba quando seus objetivos forem atingidos ou quando for verificado que os seus objetivos não podem ser atingidos ou não são mais desejados.

Portanto, os objetivos do projeto e seus resultados devem ser avaliados e controlados, confrontados com o planejamento, durante todo o ciclo de vida do projeto, de modo a verificar a viabilidade e necessidade do projeto ao longo do tempo, uma vez que o cenário externo e o contexto de criação do projeto podem mudar. Por exemplo, um pedido de cliente pode originar um projeto de construção de uma máquina customizada, mas, ao longo do projeto, o cliente desiste da aquisição por falta de recursos. O projeto seria, então, encerrado, porque não há mais a necessidade (pedido do cliente).

Agora que sabemos o que é um projeto e seu contexto, podemos entender melhor o que seria o gerenciamento de projetos. Na definição do Guia PMBOK® 5ª edição, “gerenciamento de projetos é a aplicação de conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas às atividades do projeto a fim de atender aos seus requisitos”.

O gerenciamento de um processo qualquer significa planejá-lo previamente, gerir e acompanhar sua execução, monitorando os resultados e os comparando com o que foi planejado para poder implementar ações corretivas sempre que necessário.

Gerenciar significa controlar. E só podemos controlar aquilo que entendemos, aquilo que foi previamente estudado e planejado. Além disso, para controlar é preciso medir e comparar, por isso necessitamos de referências que, em gerenciamento de projetos, são as linhas-base e planos do projeto.

Toda a equipe de projeto deve ser capaz de entender e aplicar os processos e metodologia de gerenciamento de projetos. A equipe e o gerente de projetos devem ser capazes de avaliar a situação, equilibrando as demandas a fim de entregar um resultado bem-sucedido. O sucesso de um projeto significa que os custos e prazos estão dentro do planejado (ou desvios aceitáveis), a qualidade do produto atende aos requisitos e o cliente está satisfeito.

Fatores de Sucesso em Gerenciamento de Projetos:

1. envolvimento do usuário;

2. suporte da diretoria executiva;

3. requerimentos claramente definidos e acordados;

4. planejamento efetivo;

5. expectativas realistas.

Lembre-se sempre que gerenciamento de projetos é o emprego de processos, ferramentas e técnicas, bem como habilidades e conceitos necessários para o sucesso do projeto. Em outras palavras, podemos definir o gerenciamento de projetos como a arte de balancear os objetivos do projeto, respeitando restrições de tempo, custo e qualidade, entre outras.