Para que serve Gerenciamento de Projetos?

Gerenciamento de Projetos

Muitas empresas, de diferentes indústrias e ramos de atividade, desenvolvem projetos diariamente. Poderíamos citar diversos exemplos que podem ser tratados como projetos, tais como:

  • realizar uma pesquisa de mercado;

  • desenvolver uma campanha de marketing;

  • criar um treinamento para padronização e conscientização de enfermeiros num hospital;

  • implantar um Sistema de Gestão da Qualidade;

  • realizar mudanças organizacionais;

  • fazer uma campanha eleitoral;

  • elaborar e organizar um novo curso ou treinamento;

  • planejar uma viagem ou mudança para outro país;

  • criar um novo produto ou serviço;

  • desenvolver pesquisa de medicamentos ou novas tecnologias.

O gerenciamento de projetos, embora tenha nascido das necessidades de projetos de engenharia e construção civil, aplica-se a todos os ramos de atividades, desde projetos de campanhas de marketing, projetos de treinamentos em recursos humanos até as mais variadas aplicações, como projetos de eventos, projetos de produtos financeiros, reestruturação e mudanças organizacionais, fusões entre empresas e outros.

Afinal, o que é um Projeto?

Definição do Guia PMBOK®: “Um projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo.” 

Segundo a ISO NBR 10.006, projeto é um “processo único, consistindo de um grupo de atividades coordenadas e controladas com datas para início e término, empreendido para alcance de um objetivo conforme requisitos específicos, incluindo limitações de tempo, custo e recursos”.

Em outras palavras: um projeto tem início e fim definidos, possui objetivo de criar um resultado único por meio do planejamento, execução e controle das atividades e gerenciamento de recursos.

Por que Gerenciar Projetos?

Os projetos são meios para atingir fins. Isto é, por meio de empreendimentos temporários, a organização avança na direção dos seus objetivos organizacionais. Nenhuma empresa executa projetos apenas por diversão, mas sim para obter benefícios, o que chamamos de business value.

As empresas e organizações querem garantias de que seus projetos obterão êxito e de que serão realizados dentro dos parâmetros de custo, tempo e qualidade desejados e planejados, resultando em satisfação do cliente. Consequentemente, cresce a busca por profissionais qualificados e aumenta a adoção de ferramentas de gerenciamento de projetos nas organizações.

Quais os Benefícios?

As organizações estão cada vez mais voltadas ao gerenciamento eficiente e eficaz de projetos como forma de viabilizar e concretizar as metas de seus planejamentos estratégicos. Uma boa metodologia de gerenciamento de projetos permite a obtenção de sucesso nos resultados de maneira consistente e repetível, além de ensejar a criação de um repositório de inteligência (informações históricas e lições aprendidas) extremamente útil.

Segundo o Guia PMBOK® 5a ed., “gerenciamento de projetos é a aplicação de conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas às atividades do projeto a fim de atender aos seus requisitos” (PMI, 2013). Em resumo, para ter sucesso, é preciso estabelecer prazos, definir tarefas, identificar itens de caminho crítico, especificar e adquirir materiais, acompanhar custos e o valor agregado. O planejamento das comunicações é essencial e necessário para que a gerência superior possa ser informada sobre o andamento do trabalho, possibilitando que determinadas medidas sejam tomadas quando as coisas começarem a sair do eixo.